Arquivo da tag: América latina

Benção da chuva

Padrão

abençoa, chuva, abençoa
me lave a alma
no crepúsculo que entoa
as cores da terra
do céu
e do ar
e o som da lua cheia
que me diz: voa
de pés no chão
sem sair do lugar
nessas paragens
banhadas de mar
abençoa, chuva, abençoa
essa planície latina
de frente pro atlântico
onde o riso
e a fala doce
escondem a real desse gente: o pânico
da dependência
de ogros malfeitores
descendentes de coronéis
e mãos dadas aos
colonizadores
exploradores locais
dos novos tempos
abençoa, chuva, abençoa
libere os caminhos
e aplaque o sofrimento
desse povo
que não vê caminhos
nem solução
se contenta com momentos
e migalhas de satisfação
abençoa, chuva, abençoa
e os permita voar
sem sair do lugar
a conhecer
testar
e saber
essa maldade
esse mal cheirar
é escolha a embarreirar
a dignidade que faz transformar
abençoa, chuva, abençoa
me lave a alma
libere os caminhos
e os permita voar

Por Bruno Pinheiro (31/08/2012)

Anúncios

Juventudes latino-americanas estão sub-representadas nas negociações sobre mudanças climáticas

Padrão

Recebi o e-mail que segue abaixo da Juliana Russar (@jubrcop15), a seguidora (Tracker) brasileira do projeto Adote um Negociador (Adopt a Negociator, em Inglês). A proposta do projeto é acompanhar as negociação sobre mudanças climáticas até a 15ª Conferência das Partes da Convenção sobre Mudanças Climáticas (COP-15), que acontecerá em dezembro, em Copenhagen na Dinamarca, e distribuir estas informações nos seus países de origem por meio das redes sociais.

Eu a conheci em Brasília recentemente, durante reunião do GT de Juventude do Fórum Brasileiro de Organizações e Movimentos Sociais (FBOMS). Um dos últimos contatos da moça foi feito de Bangkoc, onde está acontecendo a 4ª Rodada de Negociações sobre o Acordo Global do Clima (bem poderia ser do “acorda geral para o clima”), também conhecido como Cúpula de Bangkoc.

A Juliana trouxe informações sobre as movimentações da juventude neste processo de negociações internacionais sobre mudanças do clima. Estão lá na Tailândia algumas redes e organizações internacionais de juventude. Segundo ela, as juventude do sul, sobretudo as latino-americanas, estão subrepresentadas no processo, em comparação com grupos de jovens dos países ricos.

Leia o resto deste post

Dez anos de idade e o poder de mobilizar Honduras

Padrão

Uma das coisas que mais me impressionaram, de tudo que vi e li a respeito do caso de Honduras foi a altivez de um garotinho de dez anos chamado Oscar David Montesinos. Com um microfone na mão e uma crítica muito bem estruturada contra o golpe, ele agitou uma multidão e impressionou todo mundo com sua capacidade de articular idéias e carisma com o público.

Será que vem surgindo mais um líder latino americano?

Leia o resto deste post