Curta ajuda a popularizar luta pelo direito à comunicação no Brasil

Padrão

Aquele que não se apropria politicamente dos meios de comunicação, a começar por sua própria língua, como diria Paulo Freire, padece nas mãos dos tiranos.

Nesta criativa produção inspirada no clássico “Ilha das Flores”, do consagrado Jorge Furtado, o Intervozes Coletivo  Brasil de Comunicação apresenta de uma forma extremamente clara a estrutura oligárquica da propriedade dos meios de comunicação do Brasil.

Feito com apoio da Fundação Friedrich Ebert Stiftung, este curta contribui com a luta pela democratização da comunicação. Com linguagem acessível e utilizando o recursos de colocar a situação na perspectiva do brasileiro comum, ele permite a popularização de um tema que muitas vezes fica restrito aos interessados diretos na produção e transmissão comunicativa.

São só 17min, vale a pena assistir.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s